Bombeiro morre durante combate a incêndio no calçadão de Araçatuba

O sargento Júlio César Delfino, do Corpo de Bombeiros, morreu durante o combate ao incêndio que destruiu uma loja e afetou outras no calçadão de Araçatuba, na tarde desta sexta-feira (12).

O corpo do sargento Delfino foi encontrado sobre escombros. Tudo indica que parte do prédio onde ele combatia as chamas desabou.

Após o incidente, outros bombeiros foram socorridos. O tenente Alex Silva de Abreu, 32 anos, está internado na UTI da Santa Casa de Araçatuba com 27% do corpo queimado.

O quadro clínico dele é considerado grave. As queimaduras estão concentradas nas pernas, tórax e braços.
Ele foi socorrido por unidade do próprio resgate do Corpo de Bombeiros e levado ao pronto-socorro da Santa Casa, onde chegou por volta das 16h.


Brito está entubado e recebendo as medicações específicas na UTI. Os outros bombeiros foram socorridos no local, após inalarem fumaça em excesso.


O tenente-coronel Manuel Alves Guimarães lamentou a morte do sargento e os ferimentos provocados nos outros bombeiros.


Ainda não se sabe o que causou o incêndio. O oficial disse que o local passará por perícia do IC (Instituto de Criminalística). O laudo vai apontar o que causou o incêndio. A loja estava com documentação regular.
O incêndio foi controlado já na noite desta sexta-feira. Os bombeiros fazem o resfriamento do local .

 

Matéria de autoria do jornalista Alex Mesmer, do site Regional Press

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *