Queimadas voltam a fechar estrada e PRF alerta para acidentes

O incêndio que começou na tarde do último domingo (27) na região entre Corumbá e Miranda fechou novamente a BR-262, na altura do km 657, por volta das 21h de ontem (28). No período da manhã, o trecho havia sido liberado. Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal) a interdição foi total. Como não tinha desvio, houve congestionamento de cerca de 2 quilômetros dos dois lados da pista.

“Esse fogo está na BR-262, dentro da fazendo BrPec, dos dois lados. Está bem feio. Ontem à noite carro não passava. A PRF havia bloqueado a rodovia”, contou uma moradora de 30 anos que seguia de Corumbá para Miranda. A PRF enviou nota recomendando aos motoristas que evitem viajar no período noturno até que cessem as queimadas. Hoje, por enquanto, não houve bloqueio de rodovia.

Desde domingo, a PRF observou diversos focos de incêndio em vários pontos rodovia, especialmente entre os Km 620 e 700 (Próximo a Corumbá). Polícias têm feito rondas no intuito de flagrar os autores das queimadas e acionado o Corpo de Bombeiros para combater o fogo.

A Br 262, na região do Pantanal, segundo a PRF, tem sido alvo de incêndios causados de forma possivelmente criminosa e de autoria desconhecida. Uma base operacional com equipes dos bombeiros e Prevfogo foi montada na região de Miranda.

Ontem, equipe do Corpo de Bombeiros fizeram sobrevoo na região de Corumbá para avaliar a dimensão do incêndio que interdita a passagem na Estrada Parque. O município já registrou 897 focos este mês e acumula 4,7 mil este ano, liderando o ranking nacional nos dois quesitos. O fogo começou na tarde deste domingo (27) e no início da noite um grupo de cinco turistas que estava hospedado no Hotel Santa Catarina teve de voltar para a pousada porque estava impossível passar pela estrada.

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *