Moradores cruzam ruas com água na cintura após temporal de 1 hora

Temporal que durou cerca de 1 hora, no final desta tarde (12) de ontem alagou diversas ruas e avenidas de Três Lagoas. A água ultrapassou o nível das calçadas, invadiu casas e atingiu a cintura de quem tentava se arriscar cruzando as muitas vias alagadas na cidade.

A chuva começou por volta das 16h30 e também foi acompanhada de granizo. Um dos pontos mais críticos da cidade foi o cruzamento da Avenida Eloy Chaves com a Rua Antônio Estevan Leal, no Bairro Paranapungá. Os bairros Parque São Carlos e Jardim das Acácias também foram atingidos.

As avenidas Aldair Rosa de Oliveira, na circular da Lagoa Maior e Filinto Müller também ficaram alagadas. Moradores dos bairros Vila Nova, Vila Haro, Vila Verde, Alvorada, Vila Alegre, entre outros também reclamaram dos alagamentos.

De acordo com o JP News a Prefeitura do município está tentado viabilizar R$ 243 milhões para obras de obras de drenagem na cidade.

Chuva forte no interior – Cassilândia e Selviria foram outras duas cidades, muito castigadas pelas chuvas desta quinta-feira (12). Choveu 56,4 milímetros e 58,6 milímetros, respectivamente nos municípios. Em Dourados, a precipitação durou 1 hora, tempo suficiente para o acumulo de 27,7 milímetros de água, conforme o Guia Clima.

Ventou consideravelmente na cidade, mas nada que resultasse em estragos. A chuva também já parou pelo município. Também houveram chuvas intensas em Ribas do Rio Pardo, Água Clara e Amambai.

 

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *