Paranaíba: Verba de R$500 mil garante reforma do hospital psiquiátrico.

O Hospital Psiquiátrico Dr. Adolfo Bezerra de Menezes de Paranaíba, vai receber investimentos da ordem de R$ 500 mil em obras de reforma e readequação. Os recursos foram viabilizados pelo atual secretário estadual de Saúde por meio de uma emenda ao Orçamento Geral da União/2019, quando ainda exercia o mandato de deputado federal. O dinheiro foi empenhado (reservado) pelo Ministério da Saúde no final do ano passado. No momento, o projeto está sendo encaminhado para os trâmites técnicos e burocráticos.

Com os recursos, os dirigentes do Hospital Dr. Adolfo Bezerra de Menezes vão proceder reformas na cobertura, revestimento de paredes, piso e teto, instalações elétricas e pintura, entre outras providências. As principais intervenções acontecerão na administração, almoxarifado, salas diversas (atendimento, sala de estudos), consultórios médicos, enfermarias, farmácia, recepção, posto de enfermagem, entre outras.

Segundo o secretário estadual de Saúde Geraldo Resende, a destinação dos recursos deveu-se ao fato de que o Hospital Psiquiátrico Dr. Adolfo Bezerra de Menezes presta um relevante serviço à saúde de Mato Grosso do Sul. “Como médico, sempre fui um entusiasta do Sistema Único de Saúde e procuro fortalecer as unidades hospitalares de todo o Estado”, salienta.

“A proposta de reforma do Hospital possui coerência com as políticas nacional, estadual e municipal de saúde, que preconizam a descentralização, aumento da cobertura e integralidade, promoção da equidade da saúde e do sistema de saúde, além da humanização do ambiente de trabalho” justifica o plano de trabalho do projeto de reforma.

O Hospital Dr. Adolfo Bezerra de Menezes é uma entidade filantrópica que atende exclusivamente à população carente desde o início de suas atividades, em 3 de março de 1.973, prestando serviços de saúde a pessoas com transtornos mentais e dependentes químicos maiores de 18 anos. Segundo o gerente de Planejamento Wagner Alves de Oliveira, a unidade realiza, em média, 278 internações anuais e 23,16 mensais.

Por tratar-se da única unidade hospitalar existente no interior de Mato Grosso do Sul que presta esse tipo de serviço, atende não só a população paranaibense, mas também é referência para todo o Mato Grosso do Sul. É reconhecida como de utilidade pública municipal, estadual e federal, prestando serviços de saúde a pessoas com transtornos mentais e dependentes químicos maiores de 18 anos.

Presidido por José Robalinho da Silva Neto, atualmente possui uma estrutura de 40 leitos cem por cento cadastrados junto ao Sistema Único de Saúde (SUS), sendo que a União banca 37,52% e o Estado, 42,52% dos custos operacionais; 19,96% são custeados por subvenções estaduais e municipais com as prefeituras da região além de ações beneficentes e doações

A obra de reforma proporcionará melhorias na estrutura física do edifício e no atendimento hospitalar. O projeto não prevê ampliação de instalações, leitos e serviços.

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *