Ex-namorada de Senna vai à Justiça e acusa escritora de “crimes graves”

Adriane Yamin, empresária e ex-namorada de Ayrton Senna, lançou recentemente uma biografia sobre o relacionamento com o piloto, chamada ‘Minha Garota’. E agora ela entrará na Justiça contra a ex-colaboradora da obra por quebra de sigilo contratual.

A batalha de Adriane é contra a escritora Malu Magalhães, que decidiu entrar com uma ação exigindo reconhecimento de co-autoria, além de indenização por danos morais e de imagem. Essas informações foram divulgadas pelo colunista Ricardo Feltrin, do UOL.

Em entrevista ao UOL, Adriane se manifestou pela primeira vez de forma pública sobre o imbróglio contra Malu Magalhães. A ex de Senna confirma que a escritora foi contratada, mas que teve o vínculo rescindido pela insatisfação com o serviço prestado. Ela afirma também que Malu recebeu pelo trabalho entregado.

MSN

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *