Governo vistoria base aérea em Anápolis que pode ser usada para quarentena de brasileiros.

Uma comitiva do Governo federal realiza na manhã desta terça-feira (4) uma vistoria na Base Aérea de Anápolis, a 55 km de Goiânia. O local é um dos que podem receber brasileiros que voltarem de Wuhan (China), epicentro do surto de coronavírus, para um período de quarentena.

O governo decidiu no fim de semana realizar uma operação para buscar os brasileiros que estão na cidade chinesa, origem do surto de coronavírus. De acordo com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, deverão voltar ao país cerca de 30 a 40 pessoas. Florianópolis é outra opção.

Integram a comitiva membros dos ministérios da Defesa, da Saúde e das Relações Internacionais. Eles avaliam as condições estruturais do local e se ela está apta a receber os brasileiros para o isolamento.

De acordo com o tenente brigadeiro Marcelo Kanitz Damasceno, secretário de economia, finanças e administração da Aeronáutica, a Base Aérea de Anápolis reúne todas as condições para receber os brasileiros caso seja escolhida, inclusive, uma ótima estrutura física.

“Temos aqui dois bons hotéis, é uma base grande da nossa Força Aérea que recebe operações e organizações de outros lugares. Viemos aqui com esse olho bom de analisar cada item, seja cama, roupa de cama, as necessidades que o Ministério da Saúde nos colocar para que possamos assim fazer essa questão de um isolamento destas duas áreas”, destaca.

Pela manhã, a comitiva realizou uma reunião e logo em seguida partiu para a análise do local. Damasceno afirmou que como há crianças entre os brasileiros que virão da China, há a preocupação até mesmo de uma área de lazer para elas, se permitido pelo Ministério da Saúde.

Apesar de gostar do que viu, o tenente brigadeiro disse que é sempre possível melhorar. A ideia, segundo ele, é deixar tudo em “estado da arte” para receber os brasileiros, caso necessário.

“O número de pontos atende ao numero [de pessoas] que se imagina. Estamos aqui para tornar o ótimo, excelente. Deixar essa base, que já é muito boa e organizada, no estado da arte para que nossos brasileiros sejam muito bem recebidos”, destaca.

G1 Goiás

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *