Jatai (GO) tem caso suspeito de Coronavirus. Cassilândia está a 180 km de distância. Chapadão do Sul segue em alerta

Na manhã de hoje (3) a Secretaria Municipal de Saúde  de Jatai (GO) confirmou a informação do primeiro caso suspeito do Coronavírus no município. O paciente teve contado com um  morador da Itália durante o período de Carnaval. Apresenta sintomas que se assemelham aos descritos para a infecção da doença. Casos suspeitos ou confirmados já não são mais novidade nas cidades. Neste caso o que chama a atenção é a proximidade com Cassilândia (180 km) e “batendo a porta” da Região do Bolsão onde está inserido geograficamente Chapadão do Sul.

O jovem procurou o Hospital das Clínicas no dia 2 de março e encontra-se em isolamento. O italiano também está sendo monitorado.   Coronavírus é uma família de vírus que causa infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

O jovem procurou o Hospital das Clínicas no dia 02 de março e encontra-se em isolamento no hospital. O jovem que vive na Itália também se encontra em isolamento e também não tem a confirmação da doença.  O Secretário Municipal de Saúde, médico Luiz Carlos Bandeira, afirmou que já foi encaminhado para Goiânia o material biológico para análise e avaliação para a verificação da possível infecção.

O secretário afirmou ainda que todos os protocolos indicados pelo Ministério da Saúde estão sendo realizados e que o município está preparado para tratar esse tipo de situação. A médica infectologista Regyane Dias realizou capacitação para os servidores da área de saúde do Hospital das Clínicas na manhã de 3 de março, abordando o assunto e os procedimentos a ser realizados na unidade. Destacou que os sintomas do coronavírus são principalmente respiratórios, semelhantes a um resfriado. Podem, também, causar infecção do trato respiratório inferior, como as pneumonias.  Os médicos alertam que não é preciso pânico e que o caso é apenas suspeito.   Panorama.not.br

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *