Quais os direitos do consumidor ao adquirir um veículo seminovo?

Imagem: Pixabay

Saiba o que você pode exigir

Atualmente, adquirir um carro não se trata apenas de uma questão de luxo, mas de necessidade. Um veículo ajuda a facilitar a mobilidade no dia a dia, principalmente para quem trabalha ou estuda longe de casa. E na pandemia que enfrentamos é muito melhor dispor de um veículo próprio do que depender de terceiros.

E para a felicidade geral, o que não falta é opções de automóveis no mercado. A dúvida sempre é grande, principalmente para quem está adquirindo um veículo pela primeira vez. Você já cogitou a possibilidade de investir em um automóvel seminovo, ao invés de um zero? Confira as vantagens:

PREÇO BAIXO

Esse é o benefício que mais chama a atenção, pois o mesmo modelo sai mais barato se o veículo for seminovo.

Para realizar financiamento também é mais vantajoso, pois as parcelas do carro seminovo vão ser muito mais baratas do que a do novo. Por exemplo, se você comprar um modelo fabricado em 2010 e 2011, na época do IPI reduzido, vai conseguir um valor ainda mais em conta por um automóvel que não chega a estar ultrapassado. É fácil encontrar um veículo seminovo em Campo grande ou qualquer cidade do país por preços justos.

EVITAR A DESVALORIZAÇÃO

Estudos apontam que um carro novo já perde cerca de vinte por cento do seu valor apenas por sair da concessionária. E ao longo dos três primeiros anos, essa desvalorização vai aumentando ainda mais.

Comprando um carro seminovo, essa porcentagem não será tão grande, e se você decidir revendê-lo, a perda financeira vai ser menor.

 DOCUMENTAÇÃO

Além de um automóvel seminovo ser mais barato, a sua documentação também sai mais em conta. Quem adquiri um carro novo gasta mais de mil reais só no emplacamento e documentação do veículo. Já quem opta por um carro usado, pode ter uma economia de até dez vezes nessa questão e pode gastar menos de R$ 200 com essas questões.

 MOTORISTAS NOVOS

Normalmente, quem acaba de tirar a carteira de motorista comete alguns erros ao dirigir. Mas, esses erros podem custar caro, desgastando o carro e até levando à perda total. Portanto, se você está investindo no seu primeiro veículo, sendo um seminovo, você vai se sentirá até mais seguro para praticar a direção. Mas, isso não quer dizer que você não terá um carro bom, como um Hyundai, é possível encontrar carros seminovos de marcas muito famosas e em bom estado.

VALOR DO SEGURO

Como muitos sabem, existem diversos fatores que interferem no valor do seguro de um automóvel, mas os seminovos têm o seguro mais barato. É importante lembrar que enquanto você estiver em posse do automóvel, irá pagar o seguro mais de uma vez, portanto, essa é uma economia que será percebida a longo prazo.

TROCAS FREQUENTES

Caso você precise trocar de veículo com mais frequência, por conta do seu trabalho, o carro seminovo se torna uma forma de perder menos com essas substituições.

Depois de todas essas vantagens, a compra de um carro seminovo pode ser uma excelente opção de negócio. O recomendado para não ter dor de cabeça no futuro é procurar uma loja de confiança ao invés de comprar direto com o proprietário. Pois, você tem mais segurança de que o automóvel está em boas condições, pois essas lojas trabalham com profissionais qualificados que não aceitam veículos em maus estados.

Agora que você sabe todos os benefícios pode finalmente adquirir seu tão sonhado Chevrolet, mas antes confira os seus direitos ao comprar um veículo seminovo.

DIREITOS DO CONSUMIDOR

De acordo com o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON) na compra de bens duráveis o consumidor tem o prazo de noventa dias para reclamar de defeitos de fácil constatação. Para garantir os direitos, essa reclamação deve ser feita por escrito, em duas vias, e deve ser guardada a segunda e protocolada.

Essa garantia legal inclui todas as peças que compõem o carro, e o fornecedor não poderá se isentar da obrigação de responder por todo o produto, conforme prevê o artigo 24 do mesmo Código: “A garantia legal de adequação do produto ou serviço independe de termo expresso, vedada a exoneração contratual do fornecedor”

Segundo informações que constam na Lei, caso o problema não seja reparado no prazo máximo de trinta dias, o consumidor pode exigir à sua escolha três opções:

  • A troca do produto por outro igual que esteja em excelentes condições de uso;
  • O ressarcimento imediato da quantia paga;
  • O abate proporcional do preço.

Ao adquirir o veículo o consumidor deverá recebê-lo sem quaisquer encargos pendentes, como multas ou IPVA, exceto se existir um acordo em no ato da compra. 

Dessa maneira, quando o consumidor só tem conhecimento da multa após a compra do veículo e constata que ela se refere a período anterior, o fornecedor deve realizar o pagamento e, posteriormente (se for o caso) cobrar o reembolso do antigo proprietário do veículo. 

É importante destacar que, esses direitos só são garantidos quando se trata de relação de consumo, que ocorre quando a compra do veículo for feita entre o consumidor e um fornecedor. A compra feita entre particulares não é considerada relação de consumo.

Uma dica importante antes de realizar a sua compra é consultar o Cadastro de Reclamações Fundamentadas do Procon. E caso exista muitas reclamações que não foram solucionadas, o  recomendado é buscar outra loja.

O ideal sempre é pesquisar e não comprar um automóvel por impulso. Tome todas as precauções recomendadas, assim muitos problemas poderão ser evitados no futuro.

Gostou desse artigo? Compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas saibam os seus direitos ao comprar um veículo seminovo!

Quais os direitos do consumidor ao adquirir um veículo seminovo?

Saiba o que você pode exigir

Imagem: Pixabay

Atualmente, adquirir um carro não se trata apenas de uma questão de luxo, mas de necessidade. Um veículo ajuda a facilitar a mobilidade no dia a dia, principalmente para quem trabalha ou estuda longe de casa. E na pandemia que enfrentamos é muito melhor dispor de um veículo próprio do que depender de terceiros.

E para a felicidade geral, o que não falta é opções de automóveis no mercado. A dúvida sempre é grande, principalmente para quem está adquirindo um veículo pela primeira vez. Você já cogitou a possibilidade de investir em um automóvel seminovo, ao invés de um zero? Confira as vantagens:

PREÇO BAIXO

Esse é o benefício que mais chama a atenção, pois o mesmo modelo sai mais barato se o veículo for seminovo.

Para realizar financiamento também é mais vantajoso, pois as parcelas do carro seminovo vão ser muito mais baratas do que a do novo. Por exemplo, se você comprar um modelo fabricado em 2010 e 2011, na época do IPI reduzido, vai conseguir um valor ainda mais em conta por um automóvel que não chega a estar ultrapassado. É fácil encontrar um veículo seminovo em Campo grande ou qualquer cidade do país por preços justos.

EVITAR A DESVALORIZAÇÃO

Estudos apontam que um carro novo já perde cerca de vinte por cento do seu valor apenas por sair da concessionária. E ao longo dos três primeiros anos, essa desvalorização vai aumentando ainda mais.

Comprando um carro seminovo, essa porcentagem não será tão grande, e se você decidir revendê-lo, a perda financeira vai ser menor.

 DOCUMENTAÇÃO

Além de um automóvel seminovo ser mais barato, a sua documentação também sai mais em conta. Quem adquiri um carro novo gasta mais de mil reais só no emplacamento e documentação do veículo. Já quem opta por um carro usado, pode ter uma economia de até dez vezes nessa questão e pode gastar menos de R$ 200 com essas questões.

 MOTORISTAS NOVOS

Normalmente, quem acaba de tirar a carteira de motorista comete alguns erros ao dirigir. Mas, esses erros podem custar caro, desgastando o carro e até levando à perda total. Portanto, se você está investindo no seu primeiro veículo, sendo um seminovo, você vai se sentirá até mais seguro para praticar a direção. Mas, isso não quer dizer que você não terá um carro bom, como um Hyundai, é possível encontrar carros seminovos de marcas muito famosas e em bom estado.

VALOR DO SEGURO

Como muitos sabem, existem diversos fatores que interferem no valor do seguro de um automóvel, mas os seminovos têm o seguro mais barato. É importante lembrar que enquanto você estiver em posse do automóvel, irá pagar o seguro mais de uma vez, portanto, essa é uma economia que será percebida a longo prazo.

TROCAS FREQUENTES

Caso você precise trocar de veículo com mais frequência, por conta do seu trabalho, o carro seminovo se torna uma forma de perder menos com essas substituições.

Depois de todas essas vantagens, a compra de um carro seminovo pode ser uma excelente opção de negócio. O recomendado para não ter dor de cabeça no futuro é procurar uma loja de confiança ao invés de comprar direto com o proprietário. Pois, você tem mais segurança de que o automóvel está em boas condições, pois essas lojas trabalham com profissionais qualificados que não aceitam veículos em maus estados.

Agora que você sabe todos os benefícios pode finalmente adquirir seu tão sonhado Chevrolet, mas antes confira os seus direitos ao comprar um veículo seminovo.

DIREITOS DO CONSUMIDOR

De acordo com o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON) na compra de bens duráveis o consumidor tem o prazo de noventa dias para reclamar de defeitos de fácil constatação. Para garantir os direitos, essa reclamação deve ser feita por escrito, em duas vias, e deve ser guardada a segunda e protocolada.

Essa garantia legal inclui todas as peças que compõem o carro, e o fornecedor não poderá se isentar da obrigação de responder por todo o produto, conforme prevê o artigo 24 do mesmo Código: “A garantia legal de adequação do produto ou serviço independe de termo expresso, vedada a exoneração contratual do fornecedor”

Segundo informações que constam na Lei, caso o problema não seja reparado no prazo máximo de trinta dias, o consumidor pode exigir à sua escolha três opções:

  • A troca do produto por outro igual que esteja em excelentes condições de uso;
  • O ressarcimento imediato da quantia paga;
  • O abate proporcional do preço.

Ao adquirir o veículo o consumidor deverá recebê-lo sem quaisquer encargos pendentes, como multas ou IPVA, exceto se existir um acordo em no ato da compra. 

Dessa maneira, quando o consumidor só tem conhecimento da multa após a compra do veículo e constata que ela se refere a período anterior, o fornecedor deve realizar o pagamento e, posteriormente (se for o caso) cobrar o reembolso do antigo proprietário do veículo. 

É importante destacar que, esses direitos só são garantidos quando se trata de relação de consumo, que ocorre quando a compra do veículo for feita entre o consumidor e um fornecedor. A compra feita entre particulares não é considerada relação de consumo.

Uma dica importante antes de realizar a sua compra é consultar o Cadastro de Reclamações Fundamentadas do Procon. E caso exista muitas reclamações que não foram solucionadas, o  recomendado é buscar outra loja.

O ideal sempre é pesquisar e não comprar um automóvel por impulso. Tome todas as precauções recomendadas, assim muitos problemas poderão ser evitados no futuro.

Gostou desse artigo? Compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas saibam os seus direitos ao comprar um veículo seminovo!

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *