Verdão teve dois tempos distintos e conseguiu uma vitória fácil na Libertadores

O jogador Willian, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do C Bolívar, durante partida válida pela fase de grupos, da Copa Libertadores, na arena Allianz Parque. (Foto: Cesar Greco)

Por Fabricio Crepaldi — São Paulo

 

O Palmeiras, enfim, deslanchou! Depois de uma sequência de cinco empates seguidos em casa, a goleada por 5 a 0 sobre o Bolívar, pela Libertadores, traz um pouco mais de esperança para os torcedores.

Foram dois tempos distintos da equipe. Apesar de abrir o placar nos primeiros minutos, o Palmeiras chegou a correr riscos na etapa inicial e foi salvo por Weverton. Mesmo assim, ainda conseguiu criar.

Já o segundo tempo foi um massacre: intensidade, velocidade e pressão fizeram a equipe encontrar espaços, envolver a defesa do Bolívar e marcar um gol atrás do outro. Foi 5 a 0, mas poderia ter sido mais.

 

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *