Mulher esfaqueada ao defender amiga, não corre risco de morte em MS.

Por Flávio Dias, G1MS — Campo Grande

A mulher de 51 anos que levou uma facada na região do peito após tentar separar uma briga de uma amiga com o esposo na tarde desta terça-feira (27), em Chapadão do Sul, região nordeste do estado, não corre risco de morte.

Segundo o último boletim médico divulgado na tarde desta quarta-feira (28) pela Santa Casa de Campo Grande, onde a vítima está internada, a mesma está estável, consciente e orientada.

Conforme o hospital, a mulher está na área verde aos cuidados da equipe de cirurgia torácica. Ela segue com dreno de tórax lado esquerdo.

Ainda de acordo com a ocorrência policial, o autor do crime foi espancado por populares e preso na sequência. Ele também foi levado para o hospital para ser atendido por conta dos ferimentos.

O crime

A vítima estava em um bar de Chapadão quando o esposo da amiga começou a ameaça-la. O casal começou a brigar, momento que a mulher interveio e foi atingida por uma facada na região do peito.

De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Felipe Potter, o autor do crime foi espancado por populares e preso na sequência. Ele também foi levado para o hospital para ser atendido por conta dos ferimentos.

Mulher está internada em estado grave no hospital de Chapadão do Sul (MS). — Foto: O Correio News

Mulher está internada em estado grave no hospital de Chapadão do Sul (MS). — Foto: O Correio News

Conforme Potter, por conta da gravidade dos ferimentos, a vítima precisou ser transferida do hospital de Chapadão do Sul para a Santa Casa da capital.

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *