Mais de 44 mil pessoas foram vacinadas contra Covid-19 em MS

Por José Câmara, G1 MS

Cerca de 44.152 pessoas foram imunizadas contra Covid-19 em Mato Grosso do Sul, segundo os dados da secretaria estadual de Saúde(SES), compilados pelo consórcio de veículos de imprensa e divulgados nessa sexta-feira (29). O percentual de vacinados em relação à população do estado é de 1,57%, maior número em comparação aos outros estados do país. .

A informação é resultado de uma nova parceria do consórcio de veículos de imprensa, formado por G1, O Globo, Extra, O Estadão de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL. Os dados de vacinação passaram a ser acompanhados a partir de 21 de janeiro.

Receberam a vacina em Mato Grosso do Sul, 24.409 profissionais de saúde que atuam na linha de frente do combate ao vírus; 18.058 indígenas; 1.533 idosos institucionalizados;152 pessoas com deficiência em residências inclusivas.

Ainda conforme os dados da SES, a capital do estado é o município que mais imunizou, sendo 8.796 doses aplicadas. Veja a quantidade de vacinados em outras cidades:

  • Dourados – 3.623 doses aplicadas;
  • Amambai – 2.467 doses aplicadas;
  • Aquidauana – 2.209 doses aplicadas;
  • Três Lagoas – 1.613 doses aplicadas;
  • Caarapó – 1.581 doses aplicadas;
  • Sidrolândia – 1.366 doses aplicadas;
  • Dois Irmãos do Buriti – 1.338 doses aplicadas;
  • Corumbá – 1.335 doses aplicadas.

O quantidade de pessoas vacinadas em outros municípios de Mato Grosso do Sul serão divulgadas na próxima segunda, 1º de fevereiro, por meio do “Vacinômetro”, ferramenta criada pelo Governo do estado, para dar transparência ao processo de imunização contra o coronavírus.

Segundo a SES, Mato Grosso do Sul já distribuiu aos municípios 190,9 mil doses de vacina. O estado recebeu o primeiro lote com 158,7 mil doses da vacina Coronavac, em 18 de janeiro.

O segundo lote chegou em Mato Grosso do Sul, no dia 24 de janeiro, com 22 mil doses da vacina AstraZeneca/Oxford. O terceiro lote chegou ao estado em 25 de janeiro, com 10,2 mil doses da vacina Coronavac produzida no Brasil.

Neste primeira momento, idosos e pessoas com deficiência residentes em institutos de longa permanência (ILP), indígenas aldeados e servidores da saúde que trabalham diretamente no combate à Covid-19 serão os primeiros grupos a serem vacinados em Mato Grosso do Sul, com as doses da primeira remessa.

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *