Contas de luz poderão ser pagas pelo Pix a partir desta quinta-feira em MS

 

Os moradores de Mato Grosso do Sul poderão pagar as contas de luz através do Pix a partir desta quinta-feira (11). A concessionária que administra a distribuição de energia em cidades de MS, Energisa, informou que as faturas de energia passarão a ser emitidas com QR Code Pix que possibilita o pagamento das contas de luz pelo sistema.

A empresa estimou que a novidade deverá atender mais de 1 milhão de clientes. “A digitalização de serviços financeiros é fundamental tornar a vida das pessoas mais ágil. O pagamento com o código Pix é seguro, fácil e rápido”, afirma o diretor-presidente da Energisa Mato Grosso do Sul, Marcelo Vinhaes.

O pagamento pelo Pix estava em fase de testes no início do mês nas contas de luz de clientes em dez cidades atendidas pela empresa: Cerejeiras (RO), Tangará da Serra (MT), Anastácio (MS), Nova Friburgo (RJ), Dianópolis (TO), Nossa Senhora do Socorro (SE), Lucena (PB) e Lagoa Seca (PB). Em Mato Grosso do Sul, o primeiro pagamento Pix foi realizado com sucesso no dia 5 de fevereiro.

O que é o pagamento Pix?
O Pix é um novo meio de pagamento instantâneo criado pelo Banco Central, que vai ser uma nova opção ao lado de TED, DOC e cartões para pessoas e empresas fazerem transferências de valores, realizarem ou receberem pagamentos. Com o Pix, as pessoas e empresas poderão fazer essas transações em menos de 10 segundos, usando apenas aplicativos de celular.

Quem criou o Pix?
O Pix foi criado pelo Banco Central. Mas quem vai oferecer o Pix às pessoas e empresas serão as instituições financeiras: bancos, meios de pagamento e fintechs.

Da mesma forma que TED e DOC, por exemplo, já aparecem no aplicativo como opções para uma pessoa na hora de fazer transferências de valores, o Pix vai aparecer nesse mesmo aplicativo como mais uma alternativa.

Como aderir ao Pix?
O primeiro passo para aderir ao Pix é criar a chave Pix (Com o CPF, telefone ou e-mail dentro do aplicativo do seu banco). Para isso, a pessoa deve usar os canais de atendimento do banco ou instituição financeira onde tem conta.

Como funciona o Pix?
O Pix é uma função que vai aparecer no aplicativo de celular dos clientes de bancos, instituições financeiras e outras empresas de pagamento. Na hora de fechar uma transação – pagamento ou envio de dinheiro – basta escolher o Pix no aplicativo como forma de realizar a operação.

Como cadastrar o Pix
Para cadastrar o Pix é preciso primeiro criar uma chave Pix. A chave Pix representa o endereço da sua conta no Pix.

Para criar uma chave Pix, a pessoa ou empresa precisa usar uma dessas quatro formas de identificação: CPF/CNPJ, email, número de telefone celular ou a chave aleatória.

A chave aleatória é uma forma de receber um Pix sem precisar informar dados pessoais. Será como um login, ou seja, um conjunto de números, letras e símbolos gerados aleatoriamente que identificará a conta do destino de recursos.

Como fazer transações com o Pix?
Na hora de fazer uma transação – como pagamento ou envio de dinheiro -, o Pix vai aparecer no aplicativo como uma das opções para concluir a operação, ao lado da TED ou DOC, por exemplo. Basta escolher o Pix que a operação será feita pelo Pix.

Empresas poderão oferecer o Pix como forma de pagamento aos seus clientes por meio de um QR Code também. Na hora de fechar o negócio, basta escolher o Pix no seu aplicativo e capturar a imagem do QR Code,

Quais as vantagens do Pix para o sistema bancário?
Segundo o Banco Central, as principais vantagens do Pix são:

O serviço estará disponível 24 horas do dia, todos os dias, inclusive finais de semana.
As transações serão concluídas em menos de 10 segundos
O Pix será gratuito para pessoas físicas, inclusive MEIs (microempreendedores individuais).

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *