Motoentregador vê incêndio em casa, interrompe trabalho e salva moradora em MS

Por João Pedro Godoy e Camilla Jovê, G1MS e TV Morena

O motoentregador que virou herói por um dia. Alexon Dantas passava por uma residência em Campo Grande quando sentiu um cheiro de queimado enquanto fazia uma de suas entregas. Ao perceber que o fogo alastrava, ele interrompeu o trabalho para averiguar o que estava acontecendo, entrou na casa e conseguiu salvar a moradora de 48 anos que estava presa entre as chamas.

O caso aconteceu na última quinta-feira (11) e Alexon voltou ao local nesta segunda-feira, para contar a história ao G1 e à TV Morena. Ele explica que estava entregando açaí nas redondezas do bairro quando percebeu o incêndio. “No começo achei que era alguém que colocou fogo no mato, não vi fumaça nem nada. Mas na volta de uma entrega, percebi a fumaça vindo da casa e tive que parar o trabalho para ver o que estava acontecendo”, conta o moto entregador.

Com a ajuda de um morador da região, ele arrombou a porta da casa para conseguir entrar.

 

“Não consegui ver nada quando entrei, mas abri os braços e fui gritando se tinha alguém ali. Na quinta vez, uma mulher respondeu. Quando cheguei, ela estava se apoiando na parede e em uma porta. O fogo estava muito forte nas laterais, então peguei ela e saímos correndo. Logo depois, a casa começou a ficar mais ainda em chamas e, em questão de minutos, ficou toda destruída”, esclarece Alexon.

 

Casa em que moradora de 48 anos vivia ficou praticamente toda destruída — Foto: TV Morena/Reprodução

Casa em que moradora de 48 anos vivia ficou praticamente toda destruída — Foto: TV Morena/Reprodução

Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio possivelmente aconteceu por conta de uma vela, já que a residência não possuía energia elétrica. A equipe que atendeu a ocorrência levou cerca de 40 minutos para apagar o fogo, usando cerca de 1500 litros de água. A casa ficou praticamente toda destruída. “Fico muito triste, uma senhora que morava sozinha e ver a residência dessa forma”, complementa Alexon.

A moradora de 48 anos foi socorrida pelo Samu e levada para a Santa Casa de Campo Grande. Ela não teve queimaduras, mas inalou muita fumaça e segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), respirando com ajuda de ventilação mecânica. O desejo do entregador herói por um dia é de que ela se recupere prontamente. “Espero que Deus possa ajudar nesse momento, hoje meu maior desejo é a saúde dela. Preciso encontrá-la para encerrarmos este capítulo”, finaliza Alexon.

 

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *