Mulher de MC Kevin desabafa no velório do cantor: ‘Amigos estavam sugando ele mais uma vez’

Deolane Bezerra, mulher de MC Kevin, disse em vídeo gravado por fã que ‘cansou de perdoar’. O cantor foi enterrado no Cemitério Parque dos Pinheiros, no Tremembé, nesta terça (18). Ele morreu na noite de domingo (16) depois de cair do 5º andar da varanda de um hotel na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

A esposa de MC Kevin, a advogada Deolane Bezerra, disse que “os amigos estavam sugando ele mais uma vez” e que “cansou de perdoar”. O desabafo aconteceu durante o velório do cantor nesta terça-feira (18) e foi gravado por um fã que divulgou o vídeo nas redes sociais (veja vídeo acima).

O corpo de MC Kevin foi sepultado no Cemitério Parque dos Pinheiros, no Tremembé, Zona Norte de São Paulo, na manhã desta terça. Ele morreu na noite de domingo (16) depois de cair do 5º andar da varanda de um hotel na orla da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

De acordo com Deolane, ela estava deitada com o marido em um quarto do hotel quando MC Kevin desceu para pagar uma conta para os amigos, que também estavam hospedados no local. Ela chama esse grupo de “sanguessugas”:

“Isso aqui ‘ó’ é amizade, quem tá aqui hoje é por amizade. Meu marido estava deitado comigo e teve que descer pra pagar conta de hotel de gente que deveria ter vindo embora pra São Paulo, mas quis ficar lá com ele se metendo na nossa vida e não veio embora”, disse.

A viúva também comentou: “Ele se sentiu na obrigação de ser o paizão de todo mundo. Nós não somos obrigados a tolerar gente sanguessuga do nosso lado. Todos nós temos que fazer por onde pra ter o nosso, entendeu?”

Ainda segundo a advogada, Kevin começou a mudar depois que foi para a Mansão Maromba, uma academia no Morro do Querosene, Zona Norte da capital paulista.

“Quando foi pra Mansão Maromba virou outra pessoa, eu não queria ele lá por ciúme, lá mudou a minha vida. Eu vi o Kevin se perder três meses quando ele tava treinando, eu deixei ele ficar lá e abri mão do meu ciúme, tá bom?”

Deolane explicou que as versões surgidas sobre a morte de Kevin são mentira, que não houve briga e que ela queria ficar no hotel com um casal de amigos, mas tinha ” seis caras procurando bagunça na beira da praia” e que ela “cansou de perdoar”.

“Então vocês, jovens, bebida é bom, é daora, eu também bebo, mas tudo tem limite. Cansei de falar pro Kevin ‘tudo tem consequência na vida’ e aqui é uma consequência, tá?! Porque não foi nada demais. Eu tava dormindo, esperando meu marido chegar. Eu tinha brigado com ele antes de domingo, brigado não, mal entendido, porque os amigos dele tavam sugando ele mais uma vez”, contou.

“Ele subiu pra pegar o dinheiro no quarto de um, eu não falei nada. Subiu pra pegar dinheiro no quarto de outro eu falei ‘poxa, cê é otário dos outros, por que que eles não foram embora?’ . Porque era pra eu e ele ficar com um casal de amigos nossos até segunda. Amigos, casais, não era assim seis caras procurando bagunça na beira da praia, porque homem casado não anda com homem solteiro, são vidas diferentes, são atitudes diferentes. O Kevin tinha 23 anos. Cansei de perdoar…”, afirmou.

 

G1

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *