Com 23 anos, cowboy de Paranaíba está no top 10 Brasil e sonha com o mundial de rodeio

FONTE: JORNAL TRIBUNA LIVRE

Jerson Arantes do Santos, 23, é um competidor em touros que coleciona inúmeros títulos em sua carreira de apenas 7 anos. Paranaibense, o atleta disse durante entrevista no Jornal Tribuna Livre da Rádio Difusora 91 que sonha com mundial do rodeio realizado nos Estados Unidos da América. “Com 16 anos eu fui competir em um campeonato do México e de lá surgiu oportunidade de montar em outros países como Costa Rica, Honduras, Guatemala, El Salvador e outros da América Central, ó falta chegar nos EUA e ser campeão Mundial”, disse.

Atualmente o atleta ocupa a 7° posição do ranking brasileiro da CNAR (Confederação Nacional do Rodeio) e em terceiro na PBR (Professional Bull Riders) já venceu Rodeio de Sumaré (SP) em 2019, foi finalista de outros vários campeonatos e no último fim de semana foi vice-campeão do Iron Cowboy no Rodeio de Americana (SP).

Filho de Jorge dos Santos, homem que trouxe rodeio Cutiano (modalidade de rodeio com cavalos) para o Brasil, Jerson fala que conta com o apoio da família e sobre as dificuldades do esporte. “O rodeio entra no sangue e não sai mais, vim com isso da minha família. É um esforço físico e mental porque temos que ficar longe da família, viajar o ano todo e abdicar de muita coisa em função da carreira”, contou Jerson.

Apesar das muitas conquistas na modalidade, o Cowboy falou também sobre as lesões que já sofreu montando. “Já quebrei três costelas, o pé, mão, rosto, osso da coxa, ombro saiu do lugar. Já deu desespero por conta das dificuldades, mas passa logo”, concluiu.

Jerson disse que este ano montará no rodeio de Barretos (SP) e que ainda no fim deste ano deve partir para os EUA onde dará continuidade de realizar o sonho de ser o melhor do mundo. Você pode acompanhar o peão de rodeio pelo instagran @jerson_arantes

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *